Previdência Complementar

No Brasil existem dois tipos de Entidades de Previdência Complementar: as Abertas (EAPC) e as Fechadas (EFPC). As EAPC são sociedades anônimas, com fins lucrativos, que possuem planos individuais ou coletivos, acessíveis a qualquer pessoa física. Já as EFPC, também chamadas Fundos de Pensão, são Fundações ou Sociedades Civis, sem fins lucativos, com planos coletivos acessíveis apenas a um grupo restrito de participantes. É neste grupo que se enquadra a Fusesc.

Os Fundos de Pensão administram planos de previdência complementar, em geral patrocinados por uma empresa para seus empregados ou instituídos por uma entidade de classe para seus associados, que têm por objetivo complementar os benefícios recebidos com a aposentadoria do INSS.

Por não terem fins lucrativos, toda a rentabilidade obtida com a aplicação das contribuições de participantes e patrocinadoras é repassada aos próprios participantes.

top-view-of-businessmen-analyzing-bar-charts-and-a-laptop_1098-344

MAIO/2017 – Estimativa de rentabilidades dos Planos de Benefícios

  PLANO DE BENEFÍCIOS Intervalo Aproximado Estimado 12 MESES  24 MESES Benefícios I de 0,40% à 0,50%      9,21%    26,72% Multifuturo I de 0,45% à 0,55%      9,97%    27,64% Multifuturo II de 0,45% à 0,55%    10,44%    27,96% A rentabilidade do mês foi influenciada principalmente: (i)...

+ LEIA MAIS